Jean Paul Gaultier

Scandal

O coração desta fragrância é sobre a vida. Durante o dia, é um mel gourmet refrescante que cheira como gardênia e laranja sanguínea, quase infantil. À noite, é um mel sensual e sedutor misturado com patchuli. A perfumista, Daphne Bugey (junto com Fabrice Pellegrin e Christophe Raynaud), tinha um pensamento em mente: criar uma fragrância que pudesse representar inteiramente. Para os três, a resposta foi Scandal. Um perfume de escândalo que também representa muito bem… Jean Paul Gaultier!